FANDOM


Estatísticas originaisEdit

AtributosEdit


Destreza: 4 Força: 3 Corpo: 7

Amethyst 2

Int: 8 Vontade: 14 Mente: 9

Infl: 10 Aura: 15 Espirito: 11

Iniciativa: 22 Hero Points: 65

Poderes:Edit


Awareness 10, Enchantment 8,  Magic Sense 8, Sorcery 13

limitações:

Sem usar o colar de Ametista, sua Sorcery e Enchantment são diminuídos 4 APs.


Perícias:
Edit


Occultist 9, Weaponry (meele) 4

vantagens:Edit


Area Knowledge (Mundo de Cristal),  Connections: Mundo de Cristal (alta), Local Hero (Mundo de Cristal), Magical Background

desvantagens:Edit

Alter Ego (controlável), Innocent

035a Ametista poster

Alter ego: Amy Winston
Motivação: Upholding the Good

Ocupação: princesa do Mundo de Cristal

Riqueza 10

Amy WinstonEdit

Quando Ametista estava no Plano da Terra, ela era uma garota sem poderes chamada Amy Winston.

AtributosEdit


Destreza: 2 Força: 2 Corpo: 2

Int: 5 Vontade: 7 Mente: 5

Infl: 5 Aura: 7 Espirito: 6

Iniciativa: 12 Hero Points: 33


Perícias:
Edit


Occultist 6

vantagens:Edit

Area Knowledge (Mundo de Cristal),  Connections: Mundo de Cristal (alta), Local Hero (Mundo de Cristal),  Magical Background


desvantagens:Edit

Age (jovem), Innocent

Motivação: Upholding the Good

Ocupação: estudante

Riqueza 2

Colar de AmetistaEdit

O colar de Ametista é partilhado em ambas as formas. Para Ametista, o colar aumenta seus poderes; Para Amy, permite a ela viajar para o Mundo de Cristal e lá se tornar Ametista.

{Corpo 6, Dimension Travel 12, Mystic Link (Warp) 5, Insta-Change} limitação: Dimension Travel e Warp apenas usados em conjunto para permitir Viagem entre os planos da Terra e Mundo de Cristal.

Estatísticas Pós-CriseEdit

A Crise nas Infinitas Terras veio com golpes duros sobre a vida de Ametista. A começar ela foi cega pelos Demônios das Sombras do Antimonitor.

AtributosEdit


Destreza: 4 Força: 3 Corpo: 7

Int: 10 Vontade: 14 Mente: 9

Infl: 10 Aura: 15 Espirito: 15

Iniciativa: 22 Hero Points: 85

Poderes:Edit


Awareness 10,  Enchantment 9, Magic Sense 10, Sorcery 20, (Mystic Link) Remote Sensing 8, (Mystic Link) Truesight 15

limitações:

Sem usar o colar de Ametista, sua Sorcery é diminuída 4 APs.


Perícias:
Edit


Occultist 11, Weaponry (meele) 4

vantagens:Edit


Area Knowledge (Mundo de Cristal),  Connections: Mundo de Cristal (alta), Local Hero (Mundo de Cristal), Magical Background

desvantagens:Edit

Alter Ego (controlável), Innocent, Catastrófica Physical Restriction: cega (deve usar Truesight e Remote Sensing como forma de compensar)


Alter ego: Amy Winston
Motivação: Upholding the Good

Ocupação: princesa do Mundo de Cristal

Riqueza 10

OrigemEdit

Em algum momento de nossas vidas, todos nós já sonhamos que não éramos filhos de nossos pais, mas sim príncipes ou princesas de um reino distante e mágico. E se fosse verdade?

Com base nessa premissa, Dan Mishkin, Ernie Colon e Gary Cohn criaram Ametista, a Princesa do Mundo de Cristal, título originalmente publicado como maxi-série em doze edições pela DC Comics, de 1983 a 1984, após estrear com uma aventura curta em Legion of Super-Heroes #298.

A protagonista é Amy Winston, uma garota comum que, ao desembrulhar os presentes que ganhou em seu décimo terceiro aniversário, encontra uma curiosa jóia púrpura que não parece dada por seus pais – até porque não foi mesmo.

Naquela noite, um gigante monstruoso surge, captura Amy e a leva através de um portal para o Mundo de Cristal, uma dimensão mística dividida em doze reinos cujos regentes recebem nomes e poderes de pedras preciosas. A viagem dimensional tem um efeito curioso: como o tempo passa numa velocidade diferente no Mundo de Cristal, a pré-adolescente Amy se torna uma jovem mulher ao chegar à dimensão paralela.

Ainda surpresa pela transformação, Amy é apresentada por seu captor ao segundo em comando dos vilões: Sardônico, o Senhor das Serpentes, que ordena que ela seja levada ao Opala Negra, que governa todo o Mundo de Cristal sob uma cruel ditadura.

Ametista é resgatada pelo monstruoso Granch, que a leva a Citrina, a “feiticeira-mãe” do Mundo de Cristal. Citrina leva a garota até o Castelo Ametista, onde conta a ela seu verdadeiro passado: Amy é filha de Lorde e Lady Ametista, antigos governantes desta dimensão mágica, e foi levada por Citrina para a Terra depois de um golpe perpetrado pelo Opala Negra. Para dar à garota um lar em nosso mundo, Citrina substitui o filho natimorto do casal Winston pela princesa. Completando as explicações, Citrina conta que a jóia púrpura serve como instrumento de poder para Amy – e somente para ela – e que a princesa deve colocar um fim ao reinado de terror que já há décadas governa o Mundo de Cristal.

Sardônico consegue encontrar e atacar Ametista, que apesar de sua inexperiência derrota o vilão. Horas depois, ele relata sua falha ao Opala Negra, que decide mandar outro na captura da princesa. Avisada por Citrina de que será chamada em caso de necessidade, Amy volta à Terra e, ao receber um chamado horas depois, retorna ansiosa ao Mundo de Cristal.

Somos apresentados a outro importante personagem da série: Coralino, filho do Opala Negra (filho adotivo, na verdade: incapaz de ter filhos biológicos que não fossem monstruosos, o vilão decidiu tomar uma criança terrestre como filho), que em sua primeira aparição toma a princesa como refém. Ametista consegue se libertar graças ao auxílio de sua cadelinha, Taffy, que a havia seguido pelo portal dimensional. Na volta à Terra, Amy revela aos pais saber que é adotada. Quando ela parte novamente, seus pais, Herb e Marion Winston, se perguntam como ela soube da estranha mulher que apareceu no dia do seu nascimento – e sobre a qual eles nunca contaram nada a ninguém.

Paralelamente a tudo isso, o Opala Negra sela um pacto com seres da dimensão de Varn, com o objetivo de atacar os reinos que se opõem a ele. O acordo é selado com uma gota de sangue de Sardônico. Pouco depois, Opala usa um fragmento da jóia de poder de Citrina, obtido anos antes, para capturá-la. Em seu primeiro confronto com seu arquiinimigo, Ametista vence e liberta sua tutora.

Em outra parte, Granch revela ser filho do Opala Negra, revoltado contra seu pai – que o banira juntamente com seus outros filhos, todos monstruosos. Com o apoio de Citrina, que lhe dá dois fragmentos da ametista para servirem como âncoras, Granch parte para resgatar seus irmãos numa espécie de limbo. Para sua surpresa, um dragonete rouba o fragmento de jóia que servia de âncora para sua viagem. Isso faz com que o “fio” místico que garantia sua volta se rompa, deixando Granch à mercê de seus furiosos irmãos.

Entretanto, ele consegue convencer e resgatar seus irmãos graças à magia de Citrina. Atraída pela ametista, a comitiva de monstros cai no meio de uma aula de Amy, forçando a garota a se transformar para contê-los. É neste momento que os pais de Amy descobrem sobre os poderes da filha. Esta é a única cena nas séries regulares em que a heroína se transforma na Terra. Tendo convencido seus irmãos a ajudarem-no, Granch parte com eles para enfrentar o Opala Negra. Na luta, todos – inclusive Granch – são mortos, e Coralino perde a mão direita.

Voltando ao Mundo de Cristal, vemos a estréia de mais um personagem importante: o Príncipe Topázio, futuro par romântico de Ametista, que neste momento inicia, a contragosto, os preparativos para seu casamento com Lady Safira. Ametista inicia um exaustivo treinamento de combate. É aí que surge aquele que seria seu mestre e um de seus principais aliados: Almandino, senhor dos Picos Tormentosos, que presenteia a princesa com um unicórnio voador.

Neste momento, interrompemos o resumo da série normal para comentar uma aparição de Ametista em outro título: em DC Comics Presents #63, ninguém menos do que o Superman surge para uma aventura ao lado da princesa do Mundo de Cristal. A história começa com Ametista vindo a Metrópolis no rastro de Coralino. Voltando a ser criança, Amy percebe que perdeu o rastro de seu adversário, encontra o Superman e explica sua história (apresentando assim a personagem para quem não comprava sua revista).

Enquanto os dois heróis se perguntam onde Coralino poderá estar, vemos que, também tornado pré-adolescente pela divergência temporal entre os reinos, o filho do Opala Negra procura a Intergangue para solicitar uma mão biônica. Aproveitando a oportunidade, o vilão obtém um pedaço de kryptonita. A pedra faz Coralino voltar a ser adulto, e lhe dá poderes místicos. Com suas recém-adquiridas habilidades, ele enfrenta e derrota o Superman, e volta ao Mundo de Cristal levando Amy como refém. A heroína, porém, ainda consegue deixar sua jóia para trás, numa espécie de mensagem ao kryptoniano.

Passando por um portal aberto pela ametista, o Homem de Aço vai ao Mundo de Cristal e descobre que a mera presença de kryptonita nesta dimensão é o bastante para instabilizar sua essência mágica. Os dois heróis enfrentam Coralino e, depois, o Opala Negra, que tomara a kryptonita, e vencem. Correndo contra o tempo, Kal-El leva a kryptonita para uma dimensão intermediária, onde a instabilidade a faz explodir.

Esta história só é considerada pela cronologia oficial de Ametista por uma razão muito simples: na edição seguinte, Coralino aparece já com sua mão protética, sem nenhuma pista sobre sua origem além das mostradas neste especial.

Voltando à série normal, é chegado o dia do casamento de Lady Safira com o Príncipe Topázio. Enquanto os convidados chegam, os demais reis de casas são apresentados: o leal Lorde Ortósio, a impulsiva e beligerante Lady Turquesa, Lorde Água-Marinha e Lady Esmeralda, que se refugia nas lembranças de sua infância para esquecer o dano que o Opala Negra causou ao Mundo de Cristal. Durante os preparativos para a cerimônia, Opala Negra mata Lorde Topázio, e o substitui por um de seus servos monstruosos.

A cerimônia transcorre normalmente, embora a maioria dos soldados do bem creia que há algo errado, até que, na hora do “sim”, o sacerdote Diamante que consumaria a união revela-se como Ametista. A princesa anuncia que Opala Negra possui planos escusos para o futuro do casal. Isto faz o Príncipe Topázio desistir do casamento e ser atacado por seu “pai”, que é rapidamente revelado e morto. Após o início da batalha que se segue, Ametista convoca todos a escolherem um lado na guerra iminente.

Paralelamente a tudo isso, os emissários de Varn destroem o templo Diamante, e levam um fragmento da gema do local ao Opala. Saindo frustrado do casamento, Coralino encontra o dragonete que roubara o pedaço de ametista, e parte em seu encalço.

Continuando sua busca por reforços, as tropas de Ametista partem para recrutar os sacerdotes Diamante, mas encontram somente o templo destruído, o que os faz partirem para seu próximo destino – o Castelo Rubi. Pouco depois da chegada dos heróis, as criaturas de Varn surgem e atacam o palácio Rubi. Durante a luta, o único sacerdote Diamante sobrevivente surge e entra na luta, que só é vencida pelos heróis graças à interferência de Lorde Rubi.

Após uma conversa em que Almandino chama Água-Marinha de “pisciano”, Citrina revela à Ametista a origem do Mundo de Cristal: após uma supernova que alterou o alinhamento das constelações, Citrina liderou um grupo de seres místicos da Terra que temiam perder os poderes rumo a uma outra dimensão, levando consigo a magia de nosso mundo.

Orientadas por uma visão de Citrina, Ametista e a jovem Princesa Esmeralda (de agora em diante chamada nesta matéria – e na série – de Emmy) partem no resgate do fragmento de ametista. Coralino, porém, vence as heroínas e consegue o pedaço de jóia, que logo lhe é tomado pelo Opala Negra. O vilão revela ser esta a última peça faltante em seu maior projeto: uma armadura com fragmentos de cada uma das doze jóias de poder do Mundo de Cristal, que lhe daria parte do poder de cada casa. Com tal armadura finalmente pronta, Opala inicia o ataque final contra Ametista e seus aliados.

Capturado por sua irmã, fiel ao Opala Negra, o Príncipe Topázio convence as Ladies Safira e Topázio a se unirem a Ametista. Enquanto isso, no Castelo Esmeralda, a cada vez mais insana Lady Esmeralda é envenenada por seu vizir para passar seu poder a suas filhas, envolvidas no combate. Este ato tem efeito quase imediato, como Emmy percebe bem.

Pouco antes da chegada dos heróis à Fortaleza Opala, os enviados de Varn surgem para cobrar o acordo com Opala Negra. O ditador entrega Sardônico a eles, em cena na qual sua aparência com algo de sátiro é finalmente revelada.

Opala Negra veste sua armadura, ainda fervente, pouco antes da chegada das forças do bem. A inevitável luta começa, com larga vantagem para o Opala. Uma curiosa reviravolta, porém, aumentaria o poder dos heróis: após fugir de seus captores, Sardônico é convencido por Citrina a se unir a Ametista.

Também traídos pelo Opala Negra, Coralino e os seres de Varn preparam ataques a ele. Quando o triunfo do ditador parece inevitável, Coralino o esfaqueia pelas costas, fazendo a Fortaleza Opala desabar sobre os vilões. Opala Negra havia finalmente sido deposto. Imediatamente, os nobres pedem a Ametista que fique e assuma o trono, mas ela declina. Respeitando a decisão da princesa, Almandino diz esperar que ela decida voltar.

No deserto Opala, tudo o que resta do vilão é sua horrenda medalha ornamental.
Shadow demon

Os Demônios da Sombra deixam Ametista cega numa explosão.

CriseEdit

Ao enfrentar Demônios da Sombra do Antimonitor em Crise nas Infinitas Terras, Ametista ficou cega. O Sr. Destino levou-a de volta para Gemworld, e contou-lhe que na verdade, o pai de Amy Wiston era um Lorde da Ordem, raça de seres misticamente poderosos do qual o próprio Sr. Destino faz parte. Sr. Destino largou-a a própria mercê, a medida que monstros se aproximavam. Ametista criou então instintivamente um sentido místico que permitia-lhe ter alguma noção de seus arredores, de modo que pôde derrotar os monstros (na verdade, Destino havia a abandonado conhecendo que ela teria potencial para desenvolver este dom).

Community content is available under CC-BY-SA unless otherwise noted.